segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Setembro - Primavera! 



Setembro - Primavera! 

"A gosto" passou, e ficou na boca o gosto
Dos desejos que um dia a menina sonhou
Setembro chegou, Primavera, flores...
Caminhos mais floridos e jardins mais coloridos
Tempo que sol se abre, com mais esplendor
E o horizonte fica olhando de longe...
As novas planificas... E belos são os tons do sentir
Setembro, renova a vida, sim renova...
E há sempre um desejo, de que a vida seja sempre
Um novo e mais belo recomeço, esse é meu melhor tempo
E o que se explica ... "Estou madura suficiente"
Para saber, que nem tudo que quero, me convém...
Nem tudo que desejo, me é permitido...
E que nem tudo o que eu aprendi, foi suficiente
Para não errar, mas tentar , não errar de novo
E ai vem ... as coisas mais importantes: A luz Divina
Família, amigos, vela acesa, que celebra a vida
A luz, perpetuando a especie de mulher em mim
Que um dia, pequenina do ventre de mamãe saiu
Sorriu , depois... a fizeram chorar, e assim pela vida
Ela seguiu...

Ana Lima.