segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Bendito es tu, entre tudo...
Entre todas as emoções que vivi
Tantas se foram...E você ficou em mim
Como tatuagem que tento arrancar
Em doces recordações...Em meio o amargo
De  não poder te amar.


Ana Lima.